06 julho, 2011

Rumo à FLIP

Hoje é o dia da abertura da FLIP - Festa Literária Internacional de Paraty.
Estou a caminho.

Será minha terceira FLIP. Durante quatro dias, respiro a atmosfera dos meus sonhos, o mundo em que eu queria viver. Esses dias mesmo li uma frase dizendo que gastamos mais tempo na vida abafando nossos sonhos do que agindo para vive-los.

Nos próximos quatro dias, estarei vivendo meu sonho, ainda que de um ponto de vista um tanto o quanto "voyeuristico", ou platônico, mas estarei lá.

A FLIP tem uma atmosfera mágica (pelo menos para quem gosta de literatura), e Paraty contribui muito para isso, com seu jeitinho compacto de cidade antiga em que tudo se faz a pé, facilitando "encontros casuais" com autores que você só imaginaria ler, nunca ver. Quase me sinto transportada no tempo, como "Meia noite em Paris", a diferença é que os autores ainda estão vivos.

Para mim, é programa imperdível, anualmente.

Vou escrever aqui sobre minhas experiências por lá, na medida do possível.

Paraty

- Posted using BlogPress from my iPad

Nenhum comentário:

Postar um comentário